Direto da Arábia Saudita

Arábia Saudita, terra do Petróleo, sendo a principal potência econômica de todo o Mundo Árabe. Atualmente abriga 28 a 30 milhões de habitantes, mas parte disso, aproximadamente 06 milhões, são de trabalhadores que são expatriados, é onde me encaixo, (rs), vivendo tamanha experiência, desfrutando de oportunidades ímpares. Eu e minha família tivemos que nos mudar de New York, devido ao trabalho do meu marido, agora na empresa ARAMCO, maior empresa de Petróleo do mundo, e aqui estamos. Contarei para vocês um pouco da Arábia e as minhas experiências!

Logo que chegamos, ainda no Aeroporto de DAMMAN, achei tudo muito estranho, todo mundo muito coberto.

315694_10150378351721754_358808647_n

   536477_10151304970396754_1469833261_n

Ao chegar no condomínio, tudo muito lindo! No início parecia até férias, mas depois caiu a ficha, afinal uma baiana legítima,  de carioca pra norte-americana, agora na ARÁBIA SAUDITA, dá pra acreditar? Rs. Aqui a semana e sua correria de trabalho se iniciam no sábado e o final de semana é na quinta-feira, pois a sexta-feira é um dia sagrado para os Árabes. O Fuso horário é uma loucura, são 07 horas a mais dos EUA e 06 do Brasil. Moramos em um compound, ou seja, um condomínio onde tenho mais liberdade em relação à restrição dos árabes, o que minimiza a minha saudade. Ao chegarmos não tínhamos  carro ainda, a vizinha nos emprestou um  Golf Car…

21222_10151304968476754_1557400808_n     74196_495295056753_418383_n

539342_10151201309651754_267727138_n     427219_10150743990461754_460746935_n

74322_499146591753_5216283_n 403548_10151304969296754_1394012127_n

Enfim, não é permitido que a mulher dirija e nem que compartilhe o carro com homens estranhos, que não pertençam a família, (TÁXI e carro particular). Devido a isso, a empresa em que meu marido trabalha, a ARAMCO, disponibiliza um ônibus pra que nós, mulheres, possamos ir ao shopping. Ele sai às 8h da manhã, chegando ao shopping às 9h, e as lojas abrem às 10h. Todos os dias os sauditas fazem 6 orações, em cada oração o país para, nada funciona. Então imagina a correria no shopping, pois às 11h30 todas as lojas fecham para fazer as orações, e se estivermos comprando temos que sair, e só reabrem às 16h, porém o ônibus nos busca às 13h30, dá pra imaginar? Compras uma vez por semana em apenas uma hora e meia? Quem lucra com isso é o meu marido, afinal de contas reduz o meu consumo e aumenta o dinheiro no seu bolso.. rsrsr. A moeda aqui é Saudi Ryal.

0533776_10151304970301754_1154575062_n  148781_495293911753_2305100_n

  

   22591_10151304967996754_690223042_n  68058_10151304970726754_867902376_n

296263_10150394476316754_1390745086_n 581479_10150839062216754_1839665520_n

Mulheres devem andar cobertas com ABAYA (uma veste feminina que cobre todo o corpo) e a burca que cobre até o rosto e os olhos, se não usar ela pode ser punida ou até presa. Eu mesma, quando cheguei, estava no shopping sem o lenço na cabeça, e o policial religioso, que é chamado Mutawwa’in, pediu que eu cobrisse a cabeça. Na verdade a lei não permite que ele se dirija às mulheres e sim aos maridos. É incrível como elas conseguem, já presenciei mulheres de burca na praia, aqui dentro do condomínio, com a temperatura quase 50°C. :O

252357_10151032200141754_1728790786_n

537625_10151020547811754_360037389_n  384320_10151230994256754_364011364_n

66291_10151304969546754_1363327165_n

Dentro do complexo onde eu moro posso dirigir, usar roupas normais (obaaaa, minhas minissaias.. rsrrs), mas também existem algumas restrições, por exemplo: nas clínicas, academias, nos salões as salas são separadas para homem e mulher… Na primeira vez que fui ao salão dentro do complexo, meu marido não viu a placa Laddy’s only (Somente Mulheres) e entrou pra me chamar. Nossa, que susto! Começaram a gritar, NÃO PODE… E pessoas não disfarçaram os comentários, rs. Meu marido, tímido, saiu  rapidamente muito sem graça, sorte que a recepcionista (que é árabe) tinha ido ao toallet, rs.

A mulher não pode trabalhar, porém, tenho em minha casa um house boy que faz os afazeres de casa. No inicio foi estranho, afinal é um pouco constrangedor ter um homem sem ser o meu marido dentro de casa todos os dias. Só que me acostumei, afinal tenho me acostumado com tantas coisas, mas a saudade de meus costumes, minha rotina americana e brasileira é imensurável.

Por isso, sempre que há a uma oportunidade nos reunimos para tomar um chá, jantares, festinhas, colocar o papo em dia e matar a saudade.

48106_10150977945651754_840364376_n   223037_526782734005657_168886059_n

     417190_10150731081591754_1164111279_n  426039_10150731085186754_457358534_n

419464_10150731082376754_1005363471_n       575118_10150977938756754_2034939039_n

Há aproximadamente 03 mil habitantes de todo o mundo dentro do complexo onde eu moro, e todo ano há um evento, Dia Internacional, onde há um desfile com o grupo de cada país aqui representado. Ano passado nosso grupo, o do Brasil, usou o tema da Copa pra representar.

427761_10150713806796754_38382650_n

424936_10150713807111754_1140369994_n   432135_10150713807916754_1471979939_n    429631_10150713808111754_1530016534_n

421968_10150713809926754_1738958403_n     421748_10150731173786754_1070616554_n

 419104_10150570962806968_184187012_n       418443_10150713808786754_2090595350_n419228_10150713806301754_1127276759_n         268620_128944990524620_3286900_n

418219_10150731171936754_919882689_n            419096_10150587048941968_1151650073_n419302_10150731168131754_1286334837_n                 424143_10150731171526754_869599597_n

419294_10150731169916754_1743726519_n        420335_10150731170441754_1528212267_n 420049_10150731177521754_908100819_n          417739_10150731169246754_1898916026_n 420006_10150731176526754_1759664070_n       423005_10150731175911754_964541488_n420081_10150731178076754_1940831456_n         420450_10150731176941754_1891492671_n

Um dia no deserto, maravilhoso, muito lindo, mas muito quente, foi uma experiência e tanto. Estávamos sozinhos, eu, meu marido, alguns casais amigos, meus filhos e minhas duas sobrinhas que vieram nos visitar. Nós mulheres tiramos as abayas para tirarmos fotos e ficarmos mais a vontade, até mesmo devido ao calor. Só que apareceu um carro com sauditas, e quando viram que estávamos descobertas, coisa que não é de costume, começaram a circular frequentemente perto de nós. Meu marido e os amigos nada gostaram. Ficamos um pouco com medo, corremos para outro lugar. Tiramos nossas fotos e fomos embora.

Embora a Arábia Saudita e sua cultura sejam muito rigorosas, existem muitas pessoas hospitaleiras.

Tem muito mais ainda o que contar pra vocês!  Bjos amores!

185003_10151230988721754_1020093041_n

181967_10150147751601754_4069412_n  189799_10150147751776754_7174995_n 185805_10150147750001754_5136934_n       183954_10150147752886754_2857141_n

 188343_10150147750446754_6346893_n    189702_10150147754551754_2973272_n  189987_10150147750361754_2181038_n     183267_10150147749906754_3534331_n

7 Comentários

  1. Luanna Leão Vieira
    6 de junho de 2013

    Nadia, que experiência maravilhosa Deus está te proporcionando! Estou apaixonada pelo Oriente Médio, e ao mesmo tempo, com meu coração sangrando, em saber o quanto esse povo precisa conhecer Jesus! Que você seja luz no meio desse povo! :D

    Responder
  2. Durliane Rocha Silva Santos
    7 de junho de 2013

    Nádia, amei seus comentários, que viagem heim, Arábia, essas roupas, costumes, mais vc tira de letra, muito sucesso por ai, acompanhando seu blog. bjos e muitas felicidades para toda sua família. bjos

    Responder
  3. Ana Paula
    8 de junho de 2013

    Amei os comentarios. Meu marido é saudita, vivemos no Uzbekistao e provavelmente terei q viver aí em breve. Muito legal as informações que vc passa aqui

    Responder
    • 9 de junho de 2013

      Que legal querida..Fico feliz que está curtindo o blog. Bem vinda!! Bjo grande

      Responder
  4. 20 de outubro de 2013

    Amiga, seu blog e um sucesso! Adoro! que bom conhecer mais deste lugar de homens loucos. :) Eu morreria ai amiga! Principalmente porque nao gosto e ninguem fazendo nada pra mim em casa, no maximo a faxina! :) E sem poder dirigir, pegar taxi? To passada! :) Mais com certeza se paga muito bem, e fora que e um grande aprendizado. Sucesso!!!

    Responder
    • 21 de outubro de 2013

      Não é fácil querida, mas está sendo uma experiência e tanto. Essa fase é transitória, logo,logo estarei de volta p NY.rs Obrigada pelo carinho. bjo grande

      Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Translate »