destaque

#contrastes Uma nova fase para a polícia religiosa

Oi gente!

Já citei algumas vezes aqui pra vocês sobre os Muttawe, a polícia religiosa instituída na Arábia Saudita e que tem por definição e propósito manter a ordem no que diz respeito ao cumprimento de regras morais condizentes com a Sharia, conjunto de leis e regras do Islã.  Os Mutawa na Arábia Saudita são encarregados de fazer cumprir a Sharia como definido pelo governo, especificamente pelo Comissão para a Promoção da Virtude e Prevenção do Vício (CPVPV). Os Mutawa do CPVPV consistem em “mais de 3.500 funcionários, além de milhares de voluntários … muitas vezes acompanhado por uma escolta policial.” Eles foram criados com o poder de prender homens e mulheres, não da mesma família, pegos em socialização, qualquer pessoa envolvida em comportamento homossexual ou prostituição, para impor códigos de vestimento islâmicos, e fechamentos de lojas durante o tempo de oração.

foto21

Eu mesma já fui ‘alvo’ de um desses policiais nas oportunidades em que, por exemplo, esquecia de usar o Hijab, o lenço que deve cobrir os cabelos e que é considerado peça obrigatória para todas as mulheres que andam no país saudita. Até em certas ocasiões, chegaram para mim com uma certa agressividade e autoridade pois a insttuição tinha o poder não só de fazer advertências mas também de prender e, em outros casos, até de humilhar pessoas em público e promover punições.

Porém, segundo a agência oficial SPA, depois de passar a receber várias críticas por seu controle rígido do cumprimento da lei islâmica, há alguns dias atrás governo da Arábia Saudita decidiu limitar os poderes da polícia religiosa. Segundo as novas regulações aprovadas pelo conselho de ministros, a polícia não poderá deter diretamente ninguém e terá de limitar-se a informar à polícia comum ou à agência de luta contra as drogas. “Apenas estas entidades especializadas são responsáveis pelas investigações”, afirmou a SPA. Os Mutawa, também terão de se comportar “de maneira correta, manter sua reputação e identificar-se claramente”.

IMG_0834

A repercussão não poderia ser mais positiva, várias manifestações nas redes sociais e organizações que zelam por direitos humanos consideraram um avanço significativo na luta pela diminuição das denúncias de abuso e exagero por parte dos agentes.  Com esse ato, a Arábia Saudita, responde a um sentimento de indignação com a impunidade e brutalidade com que muitos vigilantes agiam até agora – na era dos celulares e das redes sociais, os abusos que antes se ficavam em segredo estão agora na Internet fazendo assim com que a pressão para que o governo interferisse nessas ações crescesse exponencialmente.

Da minha parte, posso dizer que fico mais do que aliviada! Confesso que tinha um certo receio por conhecer algumas das histórias de abuso de autoridade por parte de agentes Mutawe. Mas agora que estas restrições foram aplicadas, me sinto bem mais segura, afinal, não há nada pior do que andar com medo de algma intervenção, né?!

IMG_0835

Fonte/Base Textual:

https://www.publico.pt/mundo/noticia/arabia-saudita-retira-poderes-a-policia-religiosa-1728986

http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/noticia/2016/04/arabia-saudita-limita-os-poderes-da-policia-religiosa-5777039.html

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Translate »