destaque2

#contrastes Fatos – e curiosidades – sobre a vida na Arábia Saudita

Oi, gente!

A cada dia que passa, vejo ainda mais gente chegando lá no Instagram (@nadiaschwab1) e Snapchat (nadiaschwab) cheia de dúvidas de como é  a minha vida aqui na Arábia Saudita, principalmente no que se refere dos detalhes que envolvem as vestimentas, alimentação, academia…Afinal, em uma cultura tão diferente, #contrastes é o que não falta em cada uma desses assuntos, né? Por essa razão, resolvi fazer mais uma listinha só que, desse vez, esclarescendo agumas curiosidades de vocês e até com um tom de ‘resumo’ com alguns dos posts que coloco lá no IG! Vamos lá?

- Dentro do condomínio? Nada de Abaya!

Algumas pessoas me perguntam qual é o “grau de obrigatoriedade” no uso da Abaya já que me vêem postando fotos correndo com roupas de exercícios normais ou até mesmo quando acontece de eu ter que ir buscar os meus filhos no colégio ou ir ao supermercado, por exemplo. Então gente, dentro do condomínio, nós estrangeiras estamos liberadas do uso da vestimenta árabe justamente para que possamos nos sentir um pouco mais livres e adaptadas à vida no compound. Mas é claro que, as mulheres muçulmandas que moram por aqui seguem as regras normalmente e é possível sim encontra las vestidas com a burca, por exemplo!

destaque1sem-abaya

- Educação de qualidade do outro lado do mundo.

Os  compounds são condomínios equipados com toda a estrutura necessária para que os estrangeiros possam ter a vida mais “normal” possível, ou seja, parecida com o que tínhamos no ocidente. Inclusive no que se diz respeito à educação das crianças, a Saudi Aramco Expatried School é a escola internacional aqui do meu compound e recebe estudantes do mundo todo que moram no condomínio, o nível de ensino é dos mais elevados e eu me arriscaria em dizer que supera as escolas que meus filhos frequentavam em NY! Inclusive com transporte total para ir e vir. Além disso, com o passar do tempo, é nos dada a possibilidade de mandar os nossos filhos para algumas das melhores escolas do mundo com todas as despesas pagas pela empresa! Incrível, né?

escola-criancas

- Vai um tapetinho aí? 

Algumas caraterísticas da Arábia Saudita são especialmente interessantes, uma delas com certeza, é a popularidade dos tapetes persas por aqui, essas peças incríveis que em alguns países do mundo costumam custar verdadeiras fortunas são tratadas como elementos de decoração que já fazem parte do cotidiano da população árabe! Tapetes assim podem ser negociados no Brasil por até R$ 120.000,00! A diferença de preço é gigantesca e por isso, tenha certeza que vou aproveitar pra levar alguns daqui quando sair da Arábia! rs

nadia1

- Docinho no deserto!

Por aqui, as guloseimas quase sempre são feitas com massa folhada nas suas mais variadas formas e claro, usando e abusando dos ingredientes que são muito comuns por aqui como a Tâmara, Damasco, Pistache…mas também com bastante uso de castanha e outros tipos de nozes! No Brasil, entre os doces mais conhecidos estão a “Cocada Síria”, o “Ninho Folhado” e a “Burma Tâmara”. Aliás, se você tiver a sorte de encontrar essas delícias na sua cidade, aproveite! rs.

nadia2

- Trabalho de casa é coisa de homem, sim senhor!

Quase todos aqui no condomínio contratam o que chamamos de um house boy, ele é quem realiza os afazeres domésticos aqui em casa, já que por aqui a mulher não pode trabalhar. A princípio era estranho ver um homem fazendo este tipo de tarefa e ainda ter que me adaptar com a sua presença todos os dias em minha casa. Mas com o passar do tempo, me acostumei, né? Esses homens não são nativos da Arábia Saudita, eles geralmente deixam suas famílias na oportunidade de conseguir um salário melhor e sustenta las, mesmo à distância. Essa foto é muito especial pra mim, pois foi quando tivemos o privilégio de abençoar a vida dele de um dos House Boys que passaram por aqui, dando uma bicicleta para que ele pudesse ir e vir ao trabalho. Foi alegria pura!

HOUSEBOY

- Por aqui , tudo que reluz é ouro, e do bom!

Como você deve saber, a Arábia Saudita é o maior exportador de ouro do mundo e existem várias lojas especializadas em quase todas as cidades do país, principalmente as mais desenvolvidas. O ouro é vendido por KG e você pode encontrar em peças de 18k, 21k e até 24 quilates. Eu inclusive costumo passear por uma das ruas do comércio da cidade próxima ao compound para dar uma “garimpada” e acabo encontrando peças lindíssimas, viu?

nadia3

 

- Hora das comprinhas!

Para garantir a segurança das mulheres estrangeiras aqui no condomínio, toda semana um ônibus da empresa administradora do compound é disponibilizado para nos levar até o shopping de Ras Tanura, cidade bem próxima daqui dos limites do compound. Se você me acompanha no snap, já sabe a festa que é por aqui com essa mulherada toda dentro de um ônibus (principalmente, as latinas! rs). Outra curiosidade é que, na Arábia Saudita, as lojas não contam com provadores, ou seja, se compramos uma peça que não caiu tão bem assim no corpo. O jeito é esperar até a outra semana pra ir trocar pelo modelo desejado!

shopping-aramco

- Os encontrinhos!

A vida cotidiana aqui na Arabia Saudita para mulheres acaba que se tornando um pouco monótona por conta dos costumes do país e a pouca diversidade de lugares bacanas para passear. Para tentar “dar um jeito” na solidão, nós costumávamos nos encontrar com outras mulheres brasileiras que moram, ou no condomínio, ou nas proximidades para que pudéssemos matar um pouco da saudade do nosso Brasil e é claro, conversar muito! Já há algum tempo esses encontros não acontecem (inclusive, por que algumas delas já foram embora) e eu morro de saudade desses momentos!
nadia4


– Sair pra jantar? #soquenao

Uma das coisas que eu mais sinto falta na vida aqui no Compound é a possibilidade de colocar uma roupinha e convidar o meu marido lindo pra um jantar em um ótimo restaurante! As opções aqui perto do condomínio são escassas e o único bom lugar para se comer – na minha opinião, é claro – fica a alguns bons quilômetros do compound e faz com que a gente até desanime um pouco. Mais um motivo pra eu amar os meus finais de semana no Bahrain. Lá encontro o Bushido Restaurant que é simplesmente fantástico e virou o meu xodó! rs. Nem preciso falar por que, né? Olha esse prato (foto da direita)!

culinaria

Gostou de mais essa listinha? Se sim, deixa nos comentários a sua opinião, sugestão ou dúvidas par que eu possa responder nos próximos posts da série #contrastes! Ok?

Beijinhos!!!

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Translate »