curiosisdadess

#contrastes Curiosidades sobre a Arábia Saudita

Como sempre, dentro da série #contrastes trago algumas das curiosidades que são flagrantes da vida na Arábia Saudita, no post de hoje, resolvi trazer 10 fatos sobre o cotidiano no Oriente Médio e  que você talvez ainda não saiba!
as3
NÃO TEM LAGO
A Arabia Saudita é o único país do mundo que não tem um rio ou lago sequer. Em alguns lugares você até encontra um oásis ou outro, mas lago e rio de verdade, não existe lá, o que contribui para as altas temperaturas e a baixíssima umidade do ar.
MAIOR DESERTO
Rub’ al-Khālī (Empty Quarter ou Quarteirão Vazio) é o maior deserto de areia contíguo do mundo com cerca de 650.000 km² e fica ao sul da Arábia Saudita. No verão as temperaturas variam de abaixo de 0ºC a 60ºC e algumas dunas tem a altura da Torre Eiffel!
Ali também está o maior campo de petróleo convencional do mundo, chamado Ghawar.
Empty-Quarter-1
O FIM DE SEMANA
Há uma certa confusão com relação ao fim de semana. Antigamente, lá na Arábia Saudita o fim de semana era quinta e sexta, porque sexta é o dia santo para os muçulmanos. Em junho de 2013, um decreto real mudou o fim de semana para sexta e sábado mas nem todo mundo aderiu até hoje.
NÃO TEM TURISTA
Não existe visto de turismo para a Arábia Saudita! Atualmente os únicos vistos emitidos pelo reino são:
- Visto de trabalho
- Visto de peregrinação (apenas para muçulmanos)
- Visto de visita familiar (se a minha mãe quiser me visitar, por exemplo)
- Visto de visita de negócios (para 1 entrada)
- Visto de negócios (para múltiplas entradas)
- Visto para familiares de trabalhadores
- Visto diplomático
- Visto de trânsito (para quem está em trânsito, com outro país como destino final)
Ou seja, se você quiser conhecer o Empty Quarter, Madain Saleh (segunda maior cidade dos Nabateus, depois de Petra, na Jordânia), as montanhas de Abha ou mergulhar no Mar Vermelho em Jeddah, você, seu marido ou algum familiar deverá estar morando e trabalhando por lá.
Jeddah
SEM BEBIDA, SEM CARNE DE PORCO!
Carne de porco e bebidas alcoólicas são proibidas e inexistentes no país. Literalmente não vende nada relacionado a isso no supermercado. Tem mortadela e linguiça de outras carnes mas não de porco.
Se você for pego tentando entrar na Arábia com esses produtos, terá tudo confiscado.
LEIS DE TRÂNSITO
As leis de trânsito são bem diferentes por lá. Ninguém usa cinto de segurança, as crianças andam no banco da frente, sem cadeirinha e sem cinto, e os carros são abastecidos com o motor ligado. Ah, e mulheres não podem dirigir na Arábia Saudita.
 FAZ FRIO!
Além de fazer um calor de 50ºC no verão, na Arábia também temos neve no inverno!
A temperatura chega a quase 0ºC em algumas cidades cidade e às vezes neva nas regiões mais afastadas.
VAMOS AS COMPRAS?
Não existem provadores nas lojas de roupas!
Apesar de ser o passatempo mais popular do país, ir ao shopping e comprar roupas novas não é tão fácil assim.  Além da numeração ser diferente da brasileira, não se pode experimentar nenhuma peça porque as lojas não tem provadores.
Existem “provadores coletivos”, junto dos banheiros e das salas de oração. Então, você pode comprar o quanto quiser, ir ao provador que fica perto do banheiro e depois voltar nas lojas para trocar o que for preciso.
Shopping-Buraidah-2
A GASOLINA
A Arábia Saudita pratica um dos preços de gasolina mais baixos do mundo.
Bem diferente do Brasil, o 1 litro de água custa 2 riyals (+/-R$1,19) e o 1 litro de gasolina custa 1 riyal (+/-R$0,59). Sim, é mais barato que água!
O MAIOR PRÉDIO
Em 2018, a Arábia Saudita terá o prédio mais alto do mundo.
A Kingdom Tower começou a ser construída em abril desse ano, na maior cidade do reino, Jeddah. O custo está estimado em mais de 1 bilhão de dólares e a altura do prédio ultrapassará 1 km. O elevador mais rápido do mundo também será construído especialmente para esse projeto.
Kingdom-Tower

Base Textual/Fonte/Fotos: Débora Garcia (Blog Revista de Viagem – www.revistadeviagem.net)

5 Comentários

  1. Rebecca
    11 de julho de 2014

    Ola Nadia, queria dizer que to amando o seu blog assim como sua página no instagram. Comecei a te seguir recentemente mas to adorando! Estou em um relacionamento há 2 anos e meu namorado e de Riyadh, e muito bom ver um lado brasileiro de tudo o que ele sempre me fala. Shukran :)

    Responder
    • nadiaschwab
      12 de julho de 2014

      Muito obrigada, querida! Ainda vou conhecer Riyadh! Afwan. Bjinhos!

      Responder
  2. Donadoni
    11 de julho de 2014

    Olá minha querida, estou acompanhando seu blog ha pouco tempo, mas passei a admirá-la pela leveza que vc posta sua rotina num pais tao diferente do nosso. Apesar da condição social, tenho certeza q nao deve ser nada facil para voce, afinal somos um país livre, mas o que mais me chama a atenção é que vc, mesmo num país de cultura religiosa tao diferente, testifica Deus em sua vida sempre. Apesar de nao te conhecer (gostaria muito , quem sabe um dia vc passe pelo Rio de Janeiro e promova algum encontro com seus seguidores ou admiradores), gostaria de dizer que desde comecei a seguir seus blogs, senti uma vontade enorme de orar por vc e por sua familia e tenho feito isto. Sou cristã, batista, mas a “religião” nem vem ao caso. Tenho gostado muito dos seus posts sobre moda, saude e viagens tbm. Parabéns!! Vc parece ser uma daquelas pessoas iluminadas, que por onde passa deixa um rastro de felicidade e bom humor. Que Deus continue os abençoando, guardando e guiando sempre por onde vcs passarem. Mil bjuss!!

    Responder
    • nadiaschwab
      12 de julho de 2014

      Oi minha querida! Muito obrigada pelas palavras, seu carinho, orações… Amém, amém… Fico muito feliz! Que Deus te abençoe poderosamente! Um super beijo! Ah, estou indo p RJ no dia 25 de agosto, iria amar esse encontro! Vamos orar. Bjinhos!

      Responder
      • Donadoni
        13 de julho de 2014

        Obaa !! Seria um grande prazer mesmo.Oremos sim! Que Deus continue abençoando sua viagem. Grande bj . A paz!

        Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Translate »